A Casa das Marés

20170823_162226

Na década de 1950, uma cidade litorânea chamada Merham é dominada por uma série de austeras regras sociais, Lottie Swift, acolhida durante a guerra e criada pela respeitável família Holden, ama viver ali, mas Celia, a filha legítima do casal, não vê a hora de ultrapassar os limites da cidade. Quando um excêntrico grupo de artistas se muda para Arcádia, a velha mansão art déco construída de frente para o mar, as meninas não resistem à tentação de se aproximarem deles. Mas o choque para os moradores de Merham é inevitável e acaba por desencadear uma série de acontecimentos que terão consequências trágicas e duradoura para todos. Quase cinquenta anos depois, no início do século 21, Arcádia começa a ser restaurada, voltando à vida e, mais uma vez, trazendo à tona intensas emoções. E a magia que permeia a mansão faz com que os personagens confrontem suas lembranças e se perguntem: É possível deixar o passado para trás?

  • Autora: Jojo Moyes
  • Editora: Bertrand Brasil
  • Páginas: 476
  • Ano: 2015 – 3º edição, a 1º edição foi lançada em 2003

#Resenha: A narrativa deste livro se passa na cidade de Merham, onde os valores e bons costumes são levados muito a sério, valores estes muito rígidos. É lá que conhecemos a família Holden, que além do Sr. e Sra. Holden, tem os filhos: Sylvia,  Freddie, Celia e Lottie, a filha adotiva que foi acolhida pela família durante a guerra. Celia e Lottie se dão muito bem, inseparáveis, como verdadeiras irmãs. Lottie se sente feliz e grata por viver naquela cidade, e também por fazer parte daquela família, já Celia não vê a hora de se mandar daquele lugar, tudo o que ela quer é estar fora daquela cidade o quanto antes. Mas tudo começa a mudar quando alguns artistas excêntricos se mudam para a mansão Arcádia, um casarão cheio de mistérios que existe na cidade. Adeline é a nova dona do lugar. As duas moças ficam fascinadas e  curiosas pela maneira como aquelas pessoas tão diferentes vivem, por seus pensamentos e costumes, enquanto o restante da população se mantém distante, apenas observando e julgando seus atos. As duas logo são atraídas para Arcádia, convivendo com os artistas e seus visitantes, pois a casa está sempre cheia. Porém, algo acontece que mudará para sempre o destino de Celia e Lottie.

 

Quase 50 anos se passam e voltamos para o presente, onde uma decoradora chamada Daisy Parsons é contratada para transformar Arcádia em um hotel. Acontece que a população local ainda tem o mesmo pensamento conservador de antes, e farão de tudo para que o projeto não seja levado adiante. Na mansão, Daisy conhece a Sra. Bernard, a última dona de Arcádia, ela sabe que o casarão está cheio de mistérios e segredos, mesmo assim, está determinada a deixar o passado para trás, mas ela descobre que não será tão fácil. Daisy começa a descobrir muitos segredos do passado que estavam há muito tempo esquecidos.

 

20170823_162326

A capa desse livro é linda, chama a atenção de longe e esse foi o segundo livro escrito pela autora. Confesso que foi um livro difícil de ler, e conseqüentemente, difícil de resenhar. Adoro os livros da Jojo Moyes e, por sorte minha relação com a autora começou com “Como Eu Era Antes de Você”, o livro mais famoso dela. Se eu tivesse começado com “A Casa das Marés”, talvez nossa relação tivesse acabado aqui. Pra mim não foi um livro ruim,  mas  achei que faltou um algo a mais. As histórias no geral não tiveram um final satisfatório, assim como alguns personagens não são muito bem explicados. Comecei a me interessar pelo livro depois da página 100, e mesmo depois houve algumas partes em que a leitura acabou sendo cansativa. Posso afirmar com toda a certeza, que a autora melhorou muito, os livros escritos por ela depois desse, são bem melhores. Talvez eu só estivesse acostumada com uma maneira diferente da escrita dela, não sei, lembrando que essa é só a minha humilde opinião. Então gostaria de saber a opinião de vocês.

 

Anúncios

2 comentários em “A Casa das Marés

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s